A riqueza e a miséria do açúcar

download report

Transcript A riqueza e a miséria do açúcar

Índice
Cana de Açúcar: grande propriedade e
trabalho escravo.
A produção e o comércio do açúcar
Outros produtos agrícolas de exportação
A riqueza colonial era para poucos
Debre - Museu Castro Maya
A Riqueza e a miséria do açúcar
Cana de Açúcar: grande propriedade e trabalho
escravo
 Portugal investiu na
colônia, fixando
território e construindo
engenhos;
 Os
portugueses
recebiam incentivos do
rei,
como títulos
e
honorários, além de não
pagarem pelas terras
que eram tomadas dos
índios;
 Exploraram a terra
de modo devastador
para o meio ambiente;
 Adotaram o trabalho
do africano escravizado.
(Adaptado de:Joel Rufino dos Santos. História do Brasil. São Paulo, Marco Editorial, 1979. p.21.
A produção e o comércio de açúcar
 A produção do açúcar envolvia diversas etapas entre o plantio e a distribuição:
 Processo complexo e manual. Trabalhadores livres também exploravam a cana,
mas pagavam ao senhor de engenho para usar a estrutura de produção, que
custava muito caro;
 Os holandeses financiaram a instalação dos engenhos no Brasil e em troca
receberam o direito de refinar e distribuir o produto na Europa;
 Quando morre o rei de Portugal, o reino e as colônias passam ao Rei de
Espanha, que dominava também a Holanda.
 A Espanha proíbe o comércio entre Portugal e Holanda, que invade o
nordeste brasileiro e se mantém lá por 24 anos.
 Expulsos em 1654, vão para Antilhas e passam a produzir o açúcar com preço
mais baixo, diminuindo o ritmo de produção na colônia.
Outros produtos agrícolas de exportação
menor
importância
na
Debret - Museus Castro Maya, RJ
 Tiveram
economia;
 Os produtos de maior destaque eram o
tabaco, algodão, arroz e o índigo;
 O tabaco era usado como moeda de
troca na aquisição de escravos. Sua
produção caiu progressivamente, com o
declínio da escravatura;
 O cultivo de produtos de subsistência
não era lucrativo, e não era estimulado.
Pequena moenda portátil,(1822), aquarela sobre papel
de Jean-Baptiste Debret
A riqueza colonial era para poucos
 Portugal foi o 1º país a se lançar ao mar em
busca de riquezas. Levou pra o Brasil, uma
colônia
distante
toda
uma
estrutura
de
produção;.

Por causa do pacto colonial, que estabelecia o
mercantilismo, os produtos eram muito caros e
demoravam
a
chegar
na
colônia.
O
pacto
dificultava o desenvolvimento e a diversidade na
colônia;

Os
produtos
de
subsistência
tinham
importância secundária. A população sofria com a
subnutrição.